Um post que pode ser polêmico e mal entendido por muitos!

Acredito que você deva ter estranhado o título. Talvez, sua resposta seja: Porque todos precisam se manter, ganhar dinheiro, porque trabalhar é digno e etc.

Sim, concordo com todas essas respostas. Mas o assunto aqui é para uma reflexão maior sobre o porquê procurar emprego. Tenho a convicção de que no fim do post, seu pensamento sobre trabalho irá mudar. Continue lendo!

Procurar Emprego X Criar Networking

Certa vez li algo sobre a diferença entre procurar emprego e criar uma rede de relacionamento. Fiquei perplexo ao contexto da coisa.

O autor explicava que enquanto a maioria estuda e se prepara para conseguir um emprego, uma minoria mais corajosa se dedica em criar uma rede de relacionamentos, um networking que permita fazer negócios com outros indivíduos de forma constante e efetiva.

Isso quer dizer que se você souber formar contatos, nunca estará sem vender. Acredito que nem todos nasceram para empreender, mas sei que muitos também não deveriam apenas procurar emprego. 

Sei que parece complicado, mas tente entender por meio da atitude deempreendedores que formaram negócios excelentes, somente fazendo amizade e vendendo algo de forma sincera, e verá o que querendo dizer.

Leia também: Franquia Camisetas da Hora – Como Faturar 5 Mil por Mês Vendendo Camisetas

Será que tenho Perfil para Empreender?

Vivemos numa era de revoluções. O número de pessoas que sustenta com o próprio negócio aumentou de forma significativa. A cada dia, uma nova gama de seres ousados se dispõe abrir uma empresa.

Tornam-se empreendedores, autônomos, enfim, aprendem a garantir renda sem ter que cumprir escalas, assinar pontos e esperar um salário mínimo no fim do mês.

Aí você pode objetar: mas essas pessoas têm perfil ou nascem com o dom para a coisa! Quem disse? Compreendo perfeitamente que muitos pensem assim. Mas acredite, empreender é uma ciência, e, assim como tantas outras, pode ser aprendida.

O problema é que nossas escolas e universidades não ensinam isso. E aprender por conta própria é disposição para poucos, além de ser demorado e, em muitos caos, sofrido. Mas é fato que se alguém esforçar-se poderá aprender a criar lucro sem ter que trabalhar como funcionário de alguém.

Aliás, como dizia Jim Rhon:“Lucro é melhor que salário!”

Leia também: iJumper 3: Curso Online do Empreendedor Digital de Sucesso

 A Escolha é somente Sua!

Acredito, particularmente, que você pode optar em continuar sendo funcionário de alguém. Se esse for o melhor que você pode dar, vá em frente! Porém, saiba que sua vida pode continuar a mesma por muitos e muitos anos, ou, não exageradamente, para sempre.

Será que apenas o salário pode garantir um futuro melhor para seus filhos, dar base para uma boa aposentadoria e proporcionar a compra de tudo o que você sonha em adquirir? 

Se não se faz nada ousado, você pode estar limitado viver às mudanças lentas e naturais que a vida te conduzirá. Ou seja, nada de novo e emocionante, a não ser a mesmice de um emprego que você procurou e o ato de tentar manter-se empregado.

Mas, e o risco de investir num empreendimento próprio? Sim, existe. Mas tudo na vida é arriscado. Até pegar um ônibus para chegar no emprego é arriscado…

Leia também: 7 Passos Para Você Mudar seu Mindset Empreendedor Facilmente (Tem +1 Dica Bônus)

As Grandes Questões

Por que será que todo mundo procura emprego? E por que será que muitos não se tornam empresários, profissionais autônomos, sócios, ou vendedores diretos, por exemplo? 

Por que será que muitos passam uma vida inteira trabalhando sem explorar o grande potencial escondido dentro de si, na verdade, sendo explorados por outros?

Por que ser funcionário se você pode ser patrão?

Por que não ganhar dinheiro com o que você gosta da forma que você gosta?

Responda essas perguntas a si mesmo!

Para completar esse artigo, irei acrescentar um trecho de uma reflexão feita pelo grande empreendedor Flávio Augusto, idealizador do Geração de Valor: 

Pássaros de Gaiola e Pássaros que Voam

“Cada um faz a sua escolha. Quer trabalhar menos? Então não tenha um negócio próprio. Quer construir a sua história com as suas próprias mãos? Então não dependa de um salário

Para um pássaro, quais seriam as diferenças entre viver numa gaiola e ser livre? O lado bom da gaiola é que o alpiste é aparentemente garantido. 

Já para um pássaro livre, viver atrás das grades é abominável. A dignidade mora em ambos os lados, mas optar pela gaiola por medo de não conseguir alpiste do lado de fora é lamentável, enquanto escolher poder voar, porém despreparado, pode se transformar numa tragédia. 

No entanto, a capacidade de um pássaro para conseguir alimento e o preço de sua liberdade são muito altos para viver dirigido pela covardia. 

A propósito, viver na gaiola por medo, porém olhando para os pássaros livres voando, produz uma enorme população de descontentes. Agora, aplausos para quem opta pela gaiola porque acredita que seja esta a sua vocação.

Este viverá uma vida privada de liberdade, porém plenamente feliz por realizar ali dentro a sua missão de vida”.

Leia também: Fórmula da Liderança – Palestra Flávio Augusto (Geração de Valor)   

Conclusão

Há algum tempo tomei a decisão de largar a carreira numa empresa, para me dedicar integralmente a um negocio só meu, em que posso trabalhar na hora que quero e no lugar que quero.

Não falo isso para me gabar, mas para mostrar que vivo na prática o que muitos acham ser impossível.

Ainda não fiquei milionário, mas já considero um grande passo desfrutar hoje, da liberdade que um emprego nunca me deu.

Você precisa mesmo de um emprego?

Será que dentro dessa caixinha não pode fluir grandes Ideias que Vendem? 

Um algo que mude sua vida?

Já vendi muitos produtos e serviços de outras empresas, mas hoje vendo palavras. A matéria prima sou eu mesmo. Tudo o que preciso é o cérebro, um computador e as mãos. Vivo de minha vocação. Tracei para mim mesmo, uma missão de vida: “Ser o melhor que posso”.

Estou feliz sem um emprego, mas sei que você pode estar feliz com o seu. Lembre-se: é uma questão de escolha. Uma decisão só sua. Mas repito a pergunta do título para que você responda nos comentários: “Você precisa mesmo de um emprego?”

Este é um guest-post enviado por Paulo Maccedo do blog paulomaccedo.com

Ganhar Dinheiro ou Ter Um Emprego, Você Quer o Que?
3.6 (72.73%) 22 votes

A seguir, outros posts interessantes recomendados para você!
Como Vender Artesanato Online Se você chegou aqui buscando saber Como Vender Artesanato Online, você esta no lugar certo.O artesanato que antes era visto como algo caseiro, hoje ...
TextMachine: Como Troquei um BIGMAC por Uma Nova Profissão Hoje falo do treinamento TextMachine do Victor Palandi,Jovem empreendedor que começou a trabalhar no marketing de conteúdo como redator freelancer c...
Como ter Boas Ideias para Ganhar Dinheiro na Internet Uma boa ideia é a combinação de pequenas ideias, que vão se somando a medida que surgem na nossa cabeça, primeiro elas são testadas, validadas e assim...
Ganhar Dinheiro Trabalhando em Home-office Vale à Pena? Ter o negócio próprio é o sonho de mais da metade dos brasileiros, aliando ao fato de poder ganhar dinheiro trabalhando em home-office, esse sonho tor...
10 Ideias de Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa Se você quer uma vida mais tranquila, sem precisar pegar ônibus ou gastar várias horas no trânsito, essas ideias de como ganhar dinheiro trabalhando e...